A prisão hierárquica

 

Prisão

 

A religião é essencialmente uma doutrina de hierarquia, uma tentativa para recriar uma ordem cósmica de posições e poderes. (Nietzsche)

Na realidade, somos todos irmãos no Universo. Não existem hierarquias nos mundos multidimensionais, senão nos mundos infernais, criados pela mente carente e presunçosa.

Embora já tenhamos começado a experimentar o modelo horizontal de gestão, sem superior nem inferior, pelo menos em algumas grandes empresas. Isto significa que estamos começando a perceber o que é ser, de fato, livres e civilizados.

Apenas parece haver hierarquias nos mundos multidimensionais devido à diferença de vibração interior dos seres conscientes, que são apenas líderes. Os seres decadentes ambicionam estes estados sublimes, mas não é assim que se alcança.

Quanto mais se esforçam pela intenção e doutrinas maliciosas, para serem “santos” ou “perfeitos”, “piores” ficam, devido à repressão desnecessária dos instintos naturais. O intelecto abstrato não pode saber mais que a natureza da Vida real. Porém insiste em saber, em vão.

A própria ciência, como a psicologia de Sigmund Freud e Carl Jung, trata do assunto:

A psicologia das neuroses nos fez ver que, se impulsos cheios de desejo forem reprimidos, sua libido se transformará em ansiedade. (Sigmund Freud)

O estado de paz e harmonia interior, sem estresse, depressão nem compulsão, está além da dualidade da mente virtual, dos conceitos intelectuais opostos (abstratos), como “bem e mal”, “moral e imoral”, “santidade e pecado”, “perfeição e imperfeição”, etc.

Dá para você alcançar este ângulo diferente de visão, caso ainda não tenha experimentado? Vem comigo que eu lhe mostro na prática como funciona, caso queira realmente. É libertador.

Todos olham para nós como se fôssemos estrangeiros e continuam a fazer uso da sua balança, dizendo que isto é bom, que aquilo é mau; ninguém enrubesce de vergonha quando deixa perceber que os seus pesos não são justos. (Nietzsche)

Leia mais…

 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!